sábado, 1 de abril de 2017

Artista plástico Silvio Alvarez realiza oficina de colagem A Arte de Observar no festA! Festival de Aprender - SESC Campo Limpo


Foto: Tiago de Lima 

No dia 11 de março de 2017 realizei a oficina de colagem A Arte de Observar no SESC Campo Limpo, dentro da programação do festA! Festival de Aprender.  A oficina voltada às crianças e pais contou com o apoio do aprendiz Rafael Mariposa.



A primeira edição do Festival de Aprender – FestA, ocorreu entre os dias 10, 11 e 12 de março em todas as unidades da rede no estado. A intensa programação contemplou oficinas, cursos palestras e experimentações em desenho, fotografia, costura, bordado, cerâmica, impressão 3D, robótica, artes digitais com diversos artistas e profissionais de destaque em suas áreas de atuação.

Foto: Tiago de Lima

A oficina de colagem A Arte de Observar teve como referência temática a obra Morro da favela, de Tarsila do Amaral. O artista propôs uma dinâmica lúdica que buscou ressaltar a importância de observamos mais o mundo a nossa volta. As crianças e pais conheceram um pouco sobre a obra e a artista e foram convidados a observar uma releitura de Morro da favela produzida com colagem sobre superfície metálica, complementada com imagens imantadas. Depois de 30 segundos de observação algumas das imagens com imãs eram retiradas e os participantes precisavam se lembrar de tudo o que estava no quadro antes.



Sempre por intermédio de dinâmicas lúdicas, Silvio Alvarez também falou sobre os diversos tipos de arte, da importância da arte em nossas vidas (sensibilidade – criatividade – externar de emoções) e a produção de uma releitura da obra de Tarsila de Amaral em colagem sobre papel cartão 15 x 15 cm, empregando recortes de revistas e uma reprodução da obra Morro da Favela em papel couchê 15 x 10 cm, que poderia ser recortada. 




Antes de propor a parte prática, Silvio Alvarez ensinou o básico da técnica: recorte, colagem e acabamento. 






Contato Silvio Alvarez

domingo, 12 de março de 2017

Artista plástico Silvio Alvarez realiza terceira etapa do Projeto Artistas do Futuro em Joanópolis, na Escola José Benedito de Salles Bayeux



Nos dias 6 a 10 de março de 2017, realizei 18 oficinas de colagem do Projeto Artistas do Futuro para os mais de 400 alunos e também para os professores da Escola José Benedito de Salles Bayeux, em Joanópolis. A iniciativa é da Secretaria de Educação e Cultura de Joanópolis. 

No dia 7 de março, contamos com a presença da Secretária de Educação e Cultura de Joanópolis, Concheta Célia Conte, que assistiu à uma das oficinas com duração de duas horas.


Com a diretora da EMEF José Benedito de Salles Bayeux, Ariana Alves, e a Secretária de Educação e Cultura de Joanópolis, Concheta Célia Conte


No dia 9 realizei a palestra – oficina Arte e Sensibilidade para professores da Escola José Benedito de Salles Bayeux. 



Na terceira etapa do Projeto Artistas do Futuro, convidamos representantes da comunidade joanopolense para que acompanhassem de perto as oficinas e o conteúdo apresentados. 





No dia 7 de março de 2017 a TV Globo Vanguarda Paulista, com reportagem de Lucas Rangel, registrou o início da terceira etapa do Projeto Artistas do Futuro na Escola Bayeux. 



Reportagem da TV Globo Vanguarda a respeito do Projeto na Escola Bayeux 


Com a diretora da EMEF José Benedito de Salles Bayeux, Ariana Alves


Agradeço ao Prefeito de Joanópolis, Mauro Garcia, à primeira dama Maria Isabel Suthoff , à Secretária de Educação e Cultura, Concheta Célia Conte, pela confiança empenhada, à diretora Ariana Alves, professores, alunos e toda a equipe de profissionais da EMEF José Benedito de Salles Bayeux pelo incondicional apoio e carinho empregados no projeto. "Sonho que se sonha só, é só um sonho. Sonho que se sonha junto, é realidade". 




O Projeto Artistas do Futuro foi criado em Joanópolis, em 2011, com o intuito de fornecer conteúdo adicional aos professores da rede pública de ensino, a respeito de arte e arte educação.  Além de Joanópolis, desde sua criação, o projeto já atendeu cerca de 12 mil crianças em diversos municípios paulistas: Joanópolis, Piracaia, Santos, Cubatão, São Vicente, Guararema, Suzano, Guarulhos, Irapuã, São José do Rio Preto, Guapiaçu, Porto Ferreira, Mococa e Araçatuba. 




Este trabalho convida o aluno à compreensão do saber estético e à construção de novos saberes artísticos. Entender a arte como conhecimento, trabalho e expressão próprios do ser humano leitor e transformador do mundo, é a tarefa do professor, articulando seus eixos criativos e expressivos na interdisciplinaridade, por meio do processo criativo.





A proposta do projeto, criado e coordenado pelo artista plástico Silvio Alvarez, é auxiliar no diálogo com o mundo: observar, refletir, compreender, expressar, fazer, compartilhar, despertando o talento dos jovens artistas. 





A colagem, além de estimular a criatividade na expressão por meio da renovação de imagens, propicia a desconstrução e construção de cenas cotidianas, pode atuar também como eficiente instrumento de arteterapia possibilitando o treinamento do raciocínio e da coordenação motora. 





Acreditamos que a técnica, por propor o emprego de imagens disponíveis em revistas, pode atenuar o distanciamento do público infantil para com a arte, estimular a criatividade e o espírito crítico de forma bastante ampla.




Utilizada há muito como ferramenta didática nas escolas, com os graves problemas ambientais contemporâneos, a colagem ganha outra importante função: a de auxiliar na conscientização a cerca da importância da reutilização e da reciclagem dos materiais.

Oficinas - metodologia

Sempre de forma lúdica, o artista fala da importância da arte em nossa vida (sensibilidade – criatividade – externar de emoções), ensina o básico da técnica de colagem e apresenta obras de grandes mestres da pintura do Brasil e do mundo, sugerindo uma visão crítica. Na terceira etapa do projeto o tema central é A Arte de Observar.




O artista propõe que os participantes produzam releituras empregando a técnica da colagem, em papel cartão (15cm x 15cm), mesclando imagens das obras célebres (reproduções em papel couchê) e recortes de revistas; 


Contato com Silvio Alvarez
www.silvioalvarez.com.br
silvioalvarez@uol.com.br




Obras já apresentadas no Projeto Artistas do Futuro

Etapa 2017 – Aprendendo a observar - Auto retrato – Frida Kahlo, Retrato de Marilyn Monroe – Andy Warhol, O filho do homem – René Magritte, Fita de Moebius II (Formigas) – Maurits Cornelis Escher, Gato azul – Aldemir Martins.







1° etapa (2013): Mona Lisa – Leonardo da Vinci, O retrato de Dora Maar – Pablo Picasso, Meninos brincando – Cândido Portinari, Barco com bandeirinhas e pássaros – Alfredo Volpi, Morro da favela – Tarsila do Amaral 





2° etapa (2014 e 2015): Rosa e azul – Pierre Auguste Renoir, Auto retrato – Vincent Van Gogh, A dança – Henri Matisse, Persistência da memória – Salvador Dalí, O violeiro – Almeida Junior.